sábado, 27 de junho de 2009

Reconhecimento


O Primeiro reconhecimento profissional surgiu dias antes da minha mudança de Itapetininga. Assim que os vereadores da
cidade souberam da minha saída, trataram de me fazer uma homenagem. Um requerimento de congratulações pelos meus serviços prestados como repórter na cidade. Iteptininga viveu um momento particular e inédito na história do país. O município sempre foi governado por "coroneis"... Pessoas que não se preocupavam com o crescimento e desenvolvimento. Gente mesquinha que só queria saber de ganhar dinheiro. Gente presa num passado que, ainda hoje, venera Julio Prestes (ex-governador de São Paulo e eleito Presidente em 1929), o mais ilustre Itapetiningano da história (apesar de ninguem saber que ele é de Itapetininga. Eu só soube,
porque morei lá). JUlio Prestes mereceser homenageado sim... Mas, não dá pra ficar preso nesse passado. Até hoje os mais antigos moradores têm raiva de Getúlio Vargas, autor do golpe de estado de 1930, que impediu a posse de Julio Prestes. O rancor até hoje tem motivo. Todos acreditam que a cidade teria sido mais próspera, teria se desenvolvido mais, não fosse esse golpe de estado. Tá, mas não dá pra voltar atras, certo? Então, porque permanecer estagnado? Porque não pensar em políticas para beneficiar o cidadão pobre daquela região (região conhecida como o ramal da fome do estado de São Paulo). O dinheiro vaza pelo ralo, por haver políticos corruptos. E nesta época em que trabalhei lá, toda a mesa diretora da Câmara Municipal foi cassada pela justiça, acusada de Improbidade Administrativa. Seis parlamentares (de um total de 11), de uma só vez, retirados de seus cargos... Algo nunca ocorrido antes no país. A TV TEM mostrou tudo, investigou cada parte das denuncias contra os vereadores e foi fundamental para que, com as imagens registradas, a justiça pudesse tomar a decisão... Aprendi demais com cada episódio da política local.
Em um deles, uma sessão ordinária não foi realizada por falta de quorum.. Mas onde estariam os vereadores? Eu e o rep.Cine. Fabio Campos rodamos a cidade, porque cada vereador deu uma desculpa diferente para a falta na sessão... Outros nem se justificaram... Achamos muito estranho eouvimos um boato que confirmamos ser verdade. Eles estavam em uma carreata de comemoração pela vitória do deputado Edson Giriboni, nas eleições. Ficaram totalmente desconcertados quando perceberam que estavam sendo filmados... Foi um estardalhaço na cidade. Repercussão que mostrou quem eram os vereadores, de verdade.

2 comentários:

  1. Bom, pegando um 'gancho' feito pela Câmara de Itapetininga, deixo aqui também o meu reconhecimento a Rafael Chinaglia. Tive duas oportunidades de conversar pessoalmente com ele, e nesse pouco tempo, percebi claramente o seu profissionalismo, sua garra e determinação diante dos objetivos, além sempre realizar ótimas matérias. Rafael, você me ensinou e ensina muito, meu amigo. Seu blog é demais,tô gostando muito. Continua postando sempre suas experiêcias. Ajuda bastante pra gente que está começando. Um grande abraço de uma pessoa que admira muito seu trabalho. Sucesso sempre.

    André Souza, Barretos-SP

    ResponderExcluir
  2. Olá Rafael, essa história que contou foi demais mesmo, me lembro bem pois estava no Bom Dia na época e cobri esses fatos. Foi coisa de louco e era algo típico daqui. Quanta história já hein..abraços..Mike Adas

    ResponderExcluir