sábado, 13 de junho de 2009

Degradação Ambiental

A péssima nota de Itapetininga na destinação correta do lixo foi o MOT desta reportagem. A cidade nunca se preocupou em ter um aterro sanitário decente e foi sempre mal avaliada pela Cetesb e pelo governo do estado, sendo multada várias vezes. Mas nada muda... Pra fazer a passagem (que é quando o repórter aparece), eu e o rep.cine. Wellington Almeida fomos até o Lixão. Coisa nojenta. Um cheiro insuportavel. Milhares de moscas varejeiras (que eu apelidei de caranguejeiras, de tão grandes) não saiam de perto, tomavam conta de todos os espaços. Misturados ao lixo, dezenas de porcos e urubus. E tem gente que vive do que o Lixão produz. Em outras palavras reaproveita muitos itens que são jogados fora e revende para conseguir uma grana. Um dos "donos" da área diz que deixa os porcos lá para se alimentarem dos restos de comida, engordarem e serem vendidoso depois. Mais um dinheirinho. Sabe-se lá onde estes porcos iriam parar depois. Disse que eram vendidos para particulares. Mas quem garante que não iriam pra algum abate e depois para frigorificos clandestinos. Em época onde o cuidado com o meio ambiente é tão falado, existem cidades que não dão a mínima pra essa situação. Segue o video...

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário